14 Apr 2009

Bacalhau a Gomez de Sá

Bacalhao a gomez de Sá Se disser que sempre gostei de bacalhau estarei me enganando Provavelmente comecei a gostar de bacalhau quando meu pai foi transferido de São Paulo par Lisboa Na minha primeira visita a essa cidade, meus pais me convidaram para jantar fora. Entrei em pânico quando comecei a ler o cardápio, tinha tudo o que não gostava naquela época, pasta que se bem gosto, não gostei dos molhos propostos, peixes, um monte deles e vitela, que odeio, na verdade como muita pouca carne bovina. Mas meu pai me fez mudar de idéia sobre os peixes e pediu um bacalhau com natas. Bacalhau a gomez de Sá Foi fabuloso, sem duvida o melhor bacalhau que comi na minha vida, era em um restaurante em Cascais a cidade em que moravam na época, mas infelizmente não lembro o nome À receita é simples e saborosa, mas muito bem feito Mais tarde vim, a saber, que e apenas uma das 365 maneiras de preparar bacalhau, literalmente uma para cada dia do ano. Os noruegueses o chamam de klippfisk,os espanhóis de bacalao, os italianos baccala. e os franceses de morue e com ele os pecados da gula são facilmente esquecidos O bacalhau é fácil de preparar, porém não é fácil preparar bem . Tem que ficar de molho por um, dois ou até três dias Este fim de semana preparei Bacalhau a Gomez de Sá considerada uma das grandes receitas e bacalhau de Portugal. Prima pela simplicidade e pureza de sabores como usualmente são as grandes receitas de bacalhau ..... Ingredientes 700g de bacalhau salgado 1 xícara de azeite de oliva 5 cebolas grandes finamente fatiadas 1 colher de sopa de alho finamente picado 7 batatas de tamanho médio 6 ovos cozido e fatiados 2 colheres de sopa de salsinha picada Modo de fazer Coloque o bacalhau de molho em água fria por 18 a 24 horas, trocando de água periodicamente Enxágüe o bacalhau e passe para uma panela grande e cubra com água, leve a ferver por uns 20 a 30 minutos, ou até que a carne do peixe possa ser retirada facilmente. Retire do fogo, coe e deixe esfriar, quando estiver frio, desfie e retire espinhas cartilagens e pele. Ferva as batatas e corte em faias finas Em uma frigideira um pouco de azeite e acrescente a cebola fatiada quando o óleo estiver quente, junte o alho. Refogue até que a cebola esteja macia e transparente. Em um refratário, untado com azeite coloque uma camada de batatas fatiadas, cubra com o bacalhau e cubra este com uma camada de cebolas, continue alternando as camadas e termine com bacalhau e cebolas, tampe com papel alumio e leve ao forno por 20 minutos retire do forno e coloque os ovos cozidos e azeitonas pretas. Como não gosto não coloquei ---------------------------------------------------------------------------------- En Español, por favor Cod Si digo que siempre me gusto el bacalao, me estaría engañando a mi misma. Probablemente me empezó a gustar cuando mi padre fue transferido de Sao Paulo a Lisboa. En i primer visita a esa ciudad, mis padres me invitar a cenar afuera. Cuando empecé a leer el menú entre en pánico, Había un sinfín de pescados, pastas que ninguna salsa me convencía y ternera, solo el hecho de ver la carne blancuzca y saber la edad del animalito me pone mal, además como poquísima carne bovina Peo mi papa enseguida me hizo cambiar e idea en relación a los pescados y ordeno un bacalao con natas (crema) Espectacular. Creo que fue el mejor bacalao que comí en mi vida .Lastima que no me recuerdo el nombre del restaurante, que era en Chascáis la ciudad que mis padres vivían. Más tarde supe que esa era apenas una de las 365 maneras que se puede prepara el bacalao sea en Portugal hay una receta de bacalao para cada día del año. Los noruegueses lo llaman de klippfisk, los portugueses de bacalhau , los Italianos de baccalá y los franceses de morue El bacalao es fácil de prepar , pero hacerlo bien son otros cantares. Se tiene que remojar por uno, dos o hasta tres días. Este fin de semana hice bacalao a la Gomez de Sá La receta es una de las grandes recetas de bacalao de Portugal. Prima por la simplicidad y la pureza de sabores como usualmente son las grandes recetas de bacalao. ..... Ingredientes 700g de bacalao seco 1 taza de aceite de oliva extra virgen 5 cebollas grandes cortada en rodajas finas 1 cucharada de sopa de ajo picado 7 Papas de tamaño mediano hervidas y cortadas en rodajas finas 6 huevos duros cortados en rodajas Perejil picado Modo de hacer Dejar el bacalao en remojo por 18 a 24 horas, hasta que hinche cambiando el agua regularmente. Sacar el bacalao del agua del remojo y llevarlo a hervir, por 20 minutos hasta que este fácil de sacar la carne con un tenedor Retirar del fuego, colar dejar enfriar y sacar la piel, cartílagos y espinas, sacar la carne con un tenedor Poner aceite de oliva en una sartén y rehogar la cebolla hasta que este tierna y transparente En una asadera poner aceite de oliva y acomodar una camada de papas enseguida poner el bacalao en lasca, una camada de cebollas y asi sucesivamente, Terminando con el bacalao y cebollas , llevar al horno tapado con una hoja de papel aluminio por unos 20 25 minutos Retirar y esparcir los huevos duros, perejil y aceitunas negras.Yo a estas ultimas no le puse porque no me gustan. AddThis Social Bookmark Button

14 comments:

Dirk said...

Your photographs, your colors and your food-styling are beautiful! It shows that you are an art-director...

Gourmandise said...

O sabor é forte, né? Ganhei uma receita de Bacalhau à natas de um amigo português, mas ainda não fiz.
Acho que no Brasil, a maior referência de pratos à base de bacalhau é Portugal. Durante anos, eu só conhecia pratos portugueses.

bjo

Begoña said...

Hacía siglos que no veía esta receta. Tengo una tía gallega con familia portuguesa. que cocina el bacalao de mil maneras y una de sus favoritas es esta. Deliciosa.
Un saludo, Begoña

Marly said...

Sylvia,
Esse seu blog é uma beleza. Gosto muito da forma como você dispõe os
pratos, a produção das fotografias e, é claro, das fantásticas receitas. Quanto ao bacalhau, essa é uma das receitas que mais apreciamos: simples e saborosa!

ameixa seca said...

365 só? Aqui temos um livro que se chama "1001 receitas de bacalhau", não cabam nunca! Tens que provar o bacalhau à brás que também é uma delícia :)

nieves said...

Maravillosa receta Sylvia. Cuando estuve en Portugal, también me sorprendió la gran variedad de recetas de bacalao que te puedes encontrar, y el sabor... nunca probé nada parecido, pues lo que nos venden por aquí, en muchas ocasiones son imitaciones, o de ser bacalao auténtico, no siempre saben darle el punto de curación que los portugueses les dan.

Un fuerte abrazo.

Heloísa said...

Sylvia,
Se o bacalhau não fosse bom, as fotos já valeriam.

risonha said...

eu também dispenso as azeitonas e tenho a certeza que, mesmo sem os ovos cozidos, ficou fantástico.

Sabores de Aromas said...

olá, gostei desse prato, e tem um aspecto delicioso.

descobri por acaso este cantinho gostei e vou voltar.


bjs

Nani said...

É sem dúvida um clássico da cozinha portuguesa, muito bom, adorei as fotos lindas, bjs.

EU MULHER said...

Amiga, esses dias que passei em Portugal foi só comendo bacalhau que eu adoro. Hoje mesmo já comprei por aqui para matar a saudade desse peixe fabuloso.

Eu fervo leite e jogo por cima do bacalhau para tirar o sal, é tiro e queda.


Beijinhos

Cucchiaio pieno said...

Mais uma vez parabéns pela excelente receita. Esta é famosa em todo o mundo e sei que voce fez com perfeiçao. Admiro muito o teu trabalho amiga. Um abraço. Léia

Luciana Macêdo said...

Você disse bem, preparar bem é que é o problema.
Gosto assim, preparado de maneira simples.
Bjs!

Marcia Rosa said...

Sylvia, tbém não sou tão fã de bacalhau...mas a variedade de receitas me apetece. Sem contar que meu marido adora. Estou com um tanto no freezer, esperando por uma receita.
bjs